top of page
  • Foto do escritorMoreira & Mahle

Impacto da Lei 14.611/2023: Igualdade Salarial e suas Implicações para as Empresas


A recente sanção da Lei 14.611/2023, que estabelece a igualdade de direitos e critérios remuneratórios entre mulheres e homens, tem um impacto significativo nas empresas. Essa nova legislação impõe uma série de obrigações e medidas que as empresas devem adotar para garantir a igualdade de remuneração e combater a disposição no ambiente de trabalho.


Uma das principais mudanças é a exigência de que as empresas com 100 ou mais funcionários publiquem relatórios semestrais de transparência salarial. Esses relatórios devem fornecer informações objetivas e anônimas sobre salários, critérios remuneratórios e proporção de cargas de liderança ocupadas por mulheres e homens. Além disso, esses relatos também devem abordar outras possíveis desigualdades relacionadas a raça, etnia, nacionalidade e idade.


Caso sejam identificadas desigualdades salariais ou de critérios remuneratórios, as empresas devem elaborar planos de ação para mitigar essas disparidades, estabelecendo metas e prazos. É importante destacar que esses planos devem contar com a participação de representantes sindicais e dos próprios empregados. O descumprimento dessas provisões pode resultar em multas administrativas, cujo valor pode chegar a até 3% da folha de aquecimento do motor, limitado a cem testes-mínimos.


Além disso, a lei também incentiva a promoção da transparência salarial, o aumento da fiscalização, a criação de canais para denúncias de discriminação salarial e a implementação de programas de inclusão no ambiente de trabalho. As empresas também são encorajadas a investir na capacitação e formação de mulheres, visando o seu ingresso, permanência e ascensão no mercado de trabalho em igualdade de condições com os homens.


Para cumprir as exigências da lei, o Poder Executivo federal disponibilizará uma plataforma digital de acesso público, na qual as empresas devem fornecer as informações solicitadas. Essa plataforma também disponibilizará indicadores atualizados sobre o mercado de trabalho, renda por sexo, violência contra a mulher, acesso a serviços de creche, formação técnica e superior, além de outros dados públicos relevantes para a formulação de políticas públicas.


Em resumo, as empresas agora têm a responsabilidade de adotar medidas concretas para garantir a igualdade salarial entre mulheres e homens. Essa lei visa criar um ambiente de trabalho mais justo e equitativo, promovendo a inclusão e a valorização das mulheres no mercado de trabalho. Ao implementar essas medidas, as empresas demonstram seu compromisso com a igualdade de gênero e obedeceram para uma sociedade mais justa e igualitária.

コメント


bottom of page